Especial : “Batman – The Animated Series” 20 anos

“Nesta quarta feira, 5 de setembro, uma obra prima das animações completou 20 anos”

Em 5 de setembro de 1992, era exibido nos EUA o primeiro episódio de Batman: The Animated Series, uma série animada feita no embalo dos filmes de Tim Burton, a animação inclusive, aproveitou a icônica trilha sonora de Danny Elfman, que fora composta para os filmes de Burton.

A animação foi um sucesso, e se tornou um marco na história dos super heróis, foi através desta animação que se originou “universo DC animado”, pois no embalo da animação do homem morcego, vieram “Superman: The Animated Series”, “Batman do Futuro”, Super Choque(personagem obscuro das HQs, uma ótima animação por sinal) e as excelentes “Liga da Justiça” e “Liga da Justiça Sem Limites”, consideradas por muitos a animação de super heróis definitiva até o momento.

Acima de tudo, Batman TAS ajudou a popularizar ainda mais o morcego, criando novos fãs (eu fui um deles inclusive), esta animação também ajudou, de certo modo, a expandir e melhorar o universo de Batman, como por exemplo introduzindo a vilã Arlequina e transformando o Sr.Frio(antes um vilão sem importância) em um vilão de primeiro escalão, com uma ótima origem, um vilão completamente diferente de todos os outros que residem em Gotham, isso sem falar na magistral atuação de Kevin Conroy e Mark Hamill (o eterno Luke Sywalker) como Batman e Coringa, respectivamente, os dois se tornaram as vozes definitivas dos personagens, tanto que reprisaram seus papéis inúmeras vezes ao longo dos anos, incluindo em games como “Batman: Arkham Asylum” e “Arkham City”, e no MMO (jogo em rede para multidões) “DC Universe Online”, felizmente, aqui no Brasil a dublagem da série também era muito boa, com Márcio Seixas como Batman e Darcy Pedrosa como Coringa, este último veio a falecer e foi substituídos por outros dubladores ao longo dos anos nas séries do Batman, Superman e da Liga da Justiça, e por fim, não posso deixar de citar o icônico traço de Bruce Timm para todas estas séries do universo DC animado, e os ótimos roteiros de Paul Dini na animação do Batman.

Enfim, abaixo vou listar brevemente alguns episódios marcantes da série, mas na verdade, cada episódio de Batman TAS foi marcante, mas vou listar apenas alguns que eu acho que tiveram certa importância.

OBS: Vou considerar “Batman: The Animated Series” e “The New Batman Adventures” como uma série só, o que de fato elas são, apesar de algumas controvérsias.

OBS 2: No final do post vou deixar um link para o download da série.

*On Leather Wings – Ep 01, S01

Na verdade, este nem se trata de um episódio tão legal, mas vale ser citado por se tratar do episódio piloto, e trazia o Morcego Humano como vilão, incluindo sua origem.

*Nothing to Fear – Ep 03, S01

A estréia do Espantalho na série, todos os episódios envolvendo ele eram interessantes por sempre tratarem apelarem para o psicológico do Batman, neste episódio, ao confrontar o Espantalho pela primeira vez,o herói é exposto ao gás do medo do vilão e passa a enfrentar seus maiores temores, é neste episódio que Batman pronúncia a frase “I am vengeance, I am the Night, I am Batman”. Curiosamente, em sua próxima aparição na série, o Espantalho estaria com um visual remodelado, mais sombrio, e mais assustador do que este de sua primeira aparição na série.

*Pretty Poison – Ep 05, S01

A primeira aparição e a origem da vilã Hera Venenosa, que aqui aparecia muito mais perigosa e mortal do que ela era nos quadrinhos.

*Two-Face Parte 1 e 2 – Eps 10 e 11, S01

A origem do Duas-Caras é brilhantemente contada em dois episódios. O personagem Harvey Dent já vinha aparecendo desde os primeiros episódios da série, mas só aqui ele se torna o vilão, o episódio faz um ótimo trabalho ao explorar com maestria o problema da dupla personalidade que Harvey Dent possuía desde sua infância, aqui é revelado que a persona do Duas-Caras sempre esteve dentro de Harvey Dent, porém Harvey frequentava uma psicóloga para manter sua personalidade “maligna” sob controle, porém após o incidente que desfigura metade de seu rosto, a persona maligna do Duas-Caras toma o controle de Harvey.

*Heart of Ice – Ep 14, S01

Um episódio premiado, tendo ganho um Emmy pelo magnífico roteiro de Paul Dini, “Coração de Gelo” trazia a primeira, e uma das poucas aparições do Mr.Freeze na série, reinventando sua origem, e transformando-o em um dos mais diferenciados e interessantes inimigos de Batman, antes da exibição deste episódio, Freeze sempre fora um vilão de pouquíssima importância na mitologia do morcego, o tipo de vilão surgido nos anos 50/60, na época em que Batman havia sido transformado em um personagem sorridente e infantil, felizmente, após esta reinvenção do personagem, Freeze se tornou um vilão diferente, um vilão com o qual as pessoas poderiam de certa forma, simpatizar, pois afinal, Freeze era movido pelo amor que sentia por sua esposa doente Nora, em resumo, ele não era realmente mal, apenas um cara injustiçado.

*Beware the Grey Ghost – Ep 18, S01

Batman recebe a ajuda do Fantasma Cinzento para capturar um criminoso chamado Mad Bomber. O Fantasma Cinzento se tratava do herói do programa de TV ao qual Bruce Wayne assistia quando criança, e acabou sendo uma das inspirações para a criação de sua identidade como Batman, ou seja, o herói recebe ajuda do ator que interpretava o seu herói de infância. A curiosidade neste episódio, é que o Fantasma Cinzento fora dublado por Adam West, o Batman da série de TV dos anos 60.

*Feat of Clay Parte 1 e 2 – Eps 20 e 21, S01

A origem do Cara de Barro é contada em dois episódios.  O roteiro faz uma fusão entre os diversos Caras de Barro que já haviam aparecido nos quadrinhos, Matt Hagen era um ator(profissão que originalmente era do primeiro Cara de Barro nas HQs, Basil Karlo) que se transforma no Cara de Barro, capaz de moldar seu corpo nas mais diversas formas. Um detalhe bastante interessante aqui, é o fato de o vilão ser extremamente obcecado por sua aparência, e é justamente isto que Batman usa para derrotá-lo.

*Joker’s Favor – Ep 22, S01

A primeira aparição da Arlequina, a namorada e parceira do Coringa criada para a série que faria tanto sucesso que acabaria migrando para às HQs, porém, aqui ela aparece sem origem, que só seria contada tempos mais tarde em “The New Batman Adventures”.

*Perchance to Dream – Ep 30, S02

Assim como o Espantalho, o Chapeleiro Louco era o tipo de vilão que poderia atacar Batman em seu psicológico, neste episódio, Bruce acorda um dia e descobre que ele nunca foi o Batman, ele está noivo de Selina Kyle, seus pais estão vivos, e o mais chocante, existe um Batman andando por Gotham, Bruce começa a investigar, e o clímax é quando ele confronta o seu outro eu, Batman, em uma torre, lá ele acaba por descobrir que tudo não passava de um sonho projetado em sua mente pelo Chapeleiro Louco, ao se livrar do do controle mental do vilão, Batman questiona o Chapeleiro pedindo uma explicação, pq o vilão o fez passar por tudo aquilo, o Chapeleiro então responde que Batman arruinou sua vida, e ele estava disposto a dar tudo que Batman queria, apenas para que o herói ficasse fora de sua vida, Batman entrega o vilão para as autoridades e caminha de volta para sua triste realidade, este se trata de um episódio muito aclamado da série.

*Robin’s Reckoning Parte 1 e 2 – Eps 32 e 33, S02

Robin tem a chance de pegar o responsável pela morte de sua família e sua origem é contada através de flashbacks.

*The Laughing Fish – Ep 34, S02

O Coringa teve inúmeras aparições na série, como era de se esperar, mas este episódio em especial, era baseado em duas clássicas e ótimas HQs do Batman, “O Caso dos Peixes Sorridentes”, e “A Vingança Quíntupla do Coringa”, esta última inclusive, foi uma das principais HQs responsáveis por trazer de volta o tom sombrio das histórias do Batman no início dos anos 70, e principalmente, trazer de volta o Coringa maníaco e homicida que a muito não era visto nos quadrinhos devido a aquela amenizada nas histórias do Batman nas décadas de 50 e 60(tudo isto devido ao livro “A sedução dos Inocentes”, mas isto já é outro assunto), onde o Coringa havia deixado de ser o maníaco homicida e se tornado literalmente um palhaço, mais preocupado em pregar peças, do que matar pessoas.

*The Strange Secret of Bruce Wayne – Ep 37, S02

A primeira e única aparição do vilão Hugo Strange em toda a série, ele viria a fazer apenas mais uma, e breve aparição na animação Liga da Justiça: Sem Limites. Hugo Strange foi um dos primeiros vilões de Batman nos quadrinhos, e recentemente teve seu auge ao ter um papel de destaque em “Batman: Arkham City”, uma obra prima dos games.

*If You’re So Smart, Why Aren’t You Rich? – Ep 40, S02

A primeira, e uma das poucas aparições do Charada na série (provavelmente pela dificuldade dos roteiristas em criar histórias envolvendo o vilão devido aos seus enigmas). O episódio mostra como Edward Nigma, o criador de um jogo chamado “O Enigma do Minotauro”, se torna o vilão Charada para tentar se vingar de seu chefe, este que havia traído Nigma para tomar para si todos os lucros pela criação do jogo “O Enigma do Minotauro”, este episódio é muito interessante por explorar muito bem as habilidades mentais de Batman, resumindo, o lado detetive do herói, algo que do meu ponto de vista, nunca foi bem feito nos cinemas.

*Almost Got Im – Ep 46, S02

Coringa, Duas-Caras, Pinguim, Crocodilo e Hera Venenosa se reúnem para jogar poker, algo como uma “noite de folga” dos vilões, a partir daí, cada um passa a contar as suas histórias de “quase terem derrotado o Batman”.

*Birds of Feather – Ep 47, S02

Uma socialite quer chamar atenção para uma de suas festas, assim, ela convida para a festa o recém reformado(?) Pinguim, o plano dá certo, e conforme o tempo passa, o ex criminoso se apaixona pela socialite, que falsamente finge também estar apaixonada por ele, tudo vai bem até que o Pinguim descobre que está sendo usado, de coração partido, o Pinguim tenta se vingar e acaba retornando para a vida de crimes, um episódio interessante pelo modo como ele tenta humanizar o vilão, fazendo com que o telespectador sinta pena dele.

*The Man Who Killed Batman – Ep 51, S02

Um mero criminoso comum aparentemente mata o Batman por acidente, e passa a se vangloriar do seu “suposto” feito, a partir daí, uma grande parte dos criminosos de Gotham passam a admirá-lo, fazendo dele inclusive, um chefe de gangue, porém, nem todos acreditam na história do homem, como Rupert Thorne, e o Coringa, que também não está nada feliz com a morte de Batman, e com o fato de o herói ter supostamente sido morto por um criminoso de quinta. Este é um episódio que merece ser lembrado, principalmente, pois mostra que apesar de tudo, o Coringa tem um certo afeto pelo Batman, afinal, sem o herói, ele não teria mais ninguém para brincar de gato e rato, mas o momento que realmente marca neste episódio, é quando o Coringa chora na sua cerimônia em memória do Batman, isto mesmo, uma lágrima escorre no rosto do maior vilão das histórias em quadrinhos, definitivamente, uma cena extremamente marcante, tão marcante, que abaixo está um link do youtube para esta cena.

*Zatanna – Ep 54, S03

Zatanna, filha do mago Zatara, e uma antiga conhecida de Batman (da época em que ele viajava o mundo treinando para se tornar um combatente do crime), é  incriminada injustamente, e Batman parte em defesa de sua velha conhecida. O episódio sugere que os dois tiveram um relacionamento amoroso no passado.

*Harley and Ivy – Ep 56, S03

O Coringa se separa de Arlequina, e magoada ela tenta começar uma carreira de crimes solo, mas acaba por se unir a Hera Venenosa, as duas começam uma grande onda de crimes, e o Coringa enciumado não fica nada feliz com isso. Nos quadrinhos, as duas vilãs realmente possuem uma ligação muito forte de amizade, a Hera Venenosa, inclusive, foi quem salvou Arlequina da morte em uma das vezes em que o Coringa tentou se livrar dela, e ao salvar a vida dela, também garantiu habilidades especiais a Arlequina, como uma força levemente fora do comum, e uma incrível agilidade.

*The Demon’s Quest Parte 1 e 2 – Eps 60 e 61, S03

A introdução do vilão Ra’s al Ghul na série, diretamente baseada na história “O Filho do Demônio”, a primeira aparição do vilão nas HQs. Nas duas histórias(nas HQs, e na série), tudo começa quando Robin é misteriosamente sequestrado, e na busca por seu parceiro, Batman acaba cruzando caminhos com o misterioso Ra’s al Ghul.

*A Bullet for Bullock – Ep 67, S03

O detetive Harvey Bullock é ameaçado de morte e cabe a Batman ajudar o seu aliado(?). O episódio chama a atenção por ter um toque de investigação digno de uma série policial.

*Trial – Ep 68, S03

Os vilões tomam conta do Asilo Arkham e sequestram Batman, o que eles pretendem é julgar o herói por seus crimes contra eles(os vilões). Assim, Batman tem uma advogada de defesa que se trata da mais nova promotora de Gotham que é contra as atividades do herói como combatente do crime, e que também fora sequestrada pelos vilões, o júri é formado por Arlequina, Espantalho, Charada, Crocodilo, Hera Venenosa e Chapeleiro Louco, o Ventríloquo é o cara que faz as anotações do julgamento(não sei o nome para isso, e não me lembro bem se é bem isso que este vilão faz neste episódio), o Duas-Caras é o advogado de acusação e é claro, o Coringa é o juiz. Outro episódio diretamente baseado em um roteiro de HQ, é interessante pelo modo como julgamento é guiado e por mostrar diversos vilões em um mesmo episódio.

*Bane – Ep 75, S03

A primeira, e uma das poucas aparições do vilão Bane na série, o homem que quebrou o morcego, literalmente. No episódio, os mafiosos de Gotham estão fartos das interferências de Batman em seus negócios, e resolvem contratar o assassino de aluguel Bane para pôr um fim no problema. No total(sem contar filmes para a TV e crossovers), Bane apareceu em três episódios da série, contando com a quarta temporada “The New Batman Adventures”, porém em um desses episódios ele não passava de fruto de um pesadelo causado pelo gás do Espantalho(na terceira temporada).

*Riddler’s Reform – Ep 79, S03

O Charada tenta começar uma vida nova trabalhando em uma companhia de brinquedos, porém Batman e Robin se recusam a acreditar que o vilão está reformado, e eles estavam certos, pois logo o Charada percebe que continua obcecado em derrotar Batman e provar que é mais esperto que o herói.

*Second Chance – Ep 80, S03

O Duas-Caras está prestes a fazer uma cirurgia que pode restaurar seu rosto, e provavelmente sua sanidade, porém, alguém não quer que isto aconteça e sequestra o Duas-Caras, cabe a Batman e Robin descobrir quem é o sequestrador.

*Mad Love – Ep 21, S04

Um episódio da quarta temporada, quando a série passou a se chamar “The New Batman Adventures” e todos os traços dos personagens da série foram remodelados(alguns tiveram mudanças drásticas em suas personalidades e aparências físicas como por exemplo o Pinguim), “Mad Love” é o episódio que finalmente revela a origem da Arlequina, mostrando que ela era a psicóloga do Coringa no Asilo Arkham e que acaba enlouquecendo e se apaixonando pelo vilão.

*Os filmes para a TV

Batman: A Máscara do Fantasma
Batman e Mr.Freeze: Abaixo de Zero
Batman: O Mistério da Batwoman

Concluindo, apesar de ter 20 anos, Batman: A Série Animada, ainda é capaz de cativar e criar novos “bat-fãs” , pra quem gosta do Batman e não conhece esta série, eu digo uma coisa, comece já a a fazer o download desta série, por isso, segue abaixo um link com todos os episódios em AVI, mas infelizmente não estão em widescreen, mas mesmo assim, vale a pena.

http://www.actionsecomics.net/2012/08/batman-serie-animada-1-2-3-e-4.html

5 comentários em “Especial : “Batman – The Animated Series” 20 anos

  1. Galera eu botei os episódios do batman a serie animada em mkv no pen drive para ver na minha sony bravila led 32″ mas a imagem ficou muito zoada, pra qual formado devo converter para ver numa crt de 29″?

  2. Sou um fã dos desenho de Liga da Justiça e Liga da Justiça Sem Limites. Quando eu descobrir que estes desenhos estava no mesmo universo de Batman: A Série Animada, a DCAU, eu comprei os DVDs da série e me encantei. É o melhor desenho de super-heróis feito da história.

  3. Adorei essa materia. Ate salvei nos favoritos.
    Sou fa dessa serie e tenho todas as temporadas em dvd, mas um episodio lindo nao foi citado.
    É da 1a temporada e se chama “Os Esquecidos”. Nesse episodio há uma historia social, com um vilão realista.
    ABracos

  4. Não sabia pois afinal só tenho 14 anos, claro já tinha visto um ou dois episódios, ponta soltas como o 14 e o 7 mas depois desse ótimo texto realmente vou procurar os Dvd’s para locar.

Comentar...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s