TOP 5 – Filmes mais safados de 2014 (+18)

Nos aventuramos mais uma vez, e escolhemos os filmes mais safados do ano passado. É bem verdade que em se tratando de “safadeza”, o ano de 2014 foi relativamente agitado. Tivemos os filmes do Lars Von Trier, Scarlett Jonhasson Nua e muito “amor” nas telonas. Vamos a lista?!

5 – Sob a Pele (2014)

Video_Under_the_Ski_448346a
“Sob a Pele” é o típico filme cabeça que quase ninguém entende, mas mesmo assim chama a atenção do público pelas cenas de nudez. Pois bem, no filme de Jonhatan Glazer temos um pouco de tudo. Trilha sonora que induz ao sexo, Scarlet Jonhasson nua (ainda que muitos apontem injustamente que ela estaria fora de forma), homens nus e quase nenhuma fala. Se você entender o filme será recompensado com uma incrível viagem com muita gente pelada.

4 – The Normal Heart (2014)

Mark Ruffalo, Taylor Kitsch
É claro que o filme de Ryan Murhpy constaria nessa lista. Veja pelo lado bom, o filme é um dos poucos desse ano que trouxe sexo quase que explicito entre homens. Independentemente do público, o filme tem uma incrível mensagem sobre o amor, mas ainda assim, ele esta no nosso TOP 5 pelas tórridas cenas de sexo entre lindos e consagrados atores. É safado na medida perfeita!

3 – Mapa para Estrelas (2013/2014)

bruda-2014-09-19-13h22m31s205
É um filme cabeça? Sim, e por isso mesmo pode de dar ao luxo de falar exclusivamente sobre sexo. São várias as cenas que comentam sobre estupro, incesto e…. sexo, muito sexo. Praticamente todo filme é dedicado a sexualidade de seus personagens. E da-lhe atores e atrizes pelados. Se você superar a “esquisitice” da história, vai entender o porque do filme ser tão safado assim (e as razões que motivaram o boicote do mesmo).

2 – Praia do Futuro

praia-do-futuro

Aonde mais você poderá ver dois excelentes atores como Wagner Moura e Clemens Chicnkens em intensas cenas de sexo? O filme chegou a causar certa polêmica no Brasil, justamente por causa dessas sequências. Deixe de lado seu preconceito, pois mesmo com “tanta” safadeza, o filme tem um incrível mensagem sobre amor e heroísmo. Destaque também para ótima trilha sonora.

1 – Ninfomaníaca Parte 1 – Versão do Diretor (2013/2014)

nifo01
Nós poderíamos indicar qualquer uma das duas partes do filme de Lars Von Trier, porém, as versões que chegaram ao Brasil não foram satisfatoriamente “safadas” o bastante. Quando exibida a versão do diretor referente a primeira parte, aí sim pudemos entender o porque da “edição” dos produtores. Foram adicionadas poucas cenas de sexo em relação a versão “capada”. Mas essas seqüência são muito mais explícita que a versão exibida em circuito aberto. É verdade que no somatório, são 30 minutos à mais de duração. Desses, só 10 minutos são dedicados a prática sexual explícita. Os demais preferem discutir sobre… sexo. Não tinha como o filme de Lars Von Trier não ganhar esse ano não é?!

Comentar...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s