TOP 5 – Filmes mais injustiçados de 2014

O ano de 2014 foi recheado de ótimos filmes. Tivemos blockbusters, sucessos de bilheteria, filmes cult… e os injustiçados.

Claro que escolher só 5 filmes, foi quase que impossível, devido a quantidade filmes que simplesmente foram esquecidos ou desconsiderados pelas distribuidoras brasileiras.
5 – Camp X-Ray (2014)

kristen-stewart-camp-x-ray-movie-photos-hq-_1-forward-march-kristen-stewart-s-new-camp-x-ray-trailer-hits-hard

Sim, kristen Stewart vai ser eternamente lembrada pela inexpressividade na franquia “Crepúsculo” e em praticamente toda sua filmografia…. até 2015. A atriz precisou de dois filmes para tornar 2015 seu ano. Em “Para Sempre Alice” ela foi uma boa coadjuvante, para uma brilhante Julianne Moore (que ganhou o Oscar), mas é em “Camp X-Ray” que a coisa ganha outro contorno. No filme de Peter Weller, ela brilha no papel de um soldado que tem que cuidar de um perigoso terrorista (o sempre eficiente Peuman Moaddi), na famosa prisão da Baía de Guantánamo. Não só ela tem um excelente atuação, como mostra versatilidade para construir ótimos diálogos improvisados. Infelizmente o filme não tem previsão de lançamento no Brasil.

4 – Filth (2013)

filth_sliderbild

James McAvoy é um dos raros casos de ator que não erra na escolha de seus papeis. Em “Filth”, filme de Jon S. Bird, baseado na obra de mesmo nome de Irish Irvine, McAvoy interpreta um investigador da polícia com conduta questionável, politicamente incorreto e que guarda um segredo perturbador. Pois bem, o filme foi sucesso de público e crítica dentro e fora dos EUA, mas não tem previsão de estréia no Brasil. O filme tem forte ligação com “Transpoint”, o que de certa forma credenciaria o filme para um lançamento nacional. Infelizmente isso não aconteceu, mas quem puder ver o filme por outros meios, vai entender o porque da interpretação do ator ter sido cogitada para o Oscar.

3 – Mapa para as Estrelas (2014)

mapa3

Quem diria que o novo filme de David Cronnenberg não conseguiria distribuição no Brasil? Até “Cosmópolis”, considerado por muitos o pior filme do diretor, chegou em terras tupiniquins com mais alarde. “Mapa para as Estrelas” tem uma série de elementos que contribuem para ser um filme polêmico: incesto, estupro, fetiches e por aí vai. Tudo envolvendo a nata de Hollywood, ainda que resguardado os nomes dos atores e atrizes. Ainda assim, nada justifica o não lançamento nesse ano que passou.

2 – Era Uma vez em Nova York (2014)

immigrant-the-immigrant-27-11-2013-21-g-1

O filme já começa bem errado, pois seu título original seria “A Imigrante”. Deixando de lado o pequeno problema de tradução – que de forma nenhuma prejudica a produção – é difícil apontar motivos para o filme Far Far Gray não ser considerado um dos melhores do ano. Ele tem um desempenho digno de Oscar por parte de seu elenco. Apresenta uma das fotografias mais lindas do ano, e ainda por cima tem um dos melhores figurinos do ano. E dessa forma ele ficou 3 semanas em cartaz no Brasil sem muito alarde, sem qualquer divulgação. Mundialmente o filme também foi inexplicavelmente mal, mesmo com críticas extremamente positivas sobre a produção.

1 – O Expresso do Amanha (2014)

Expresso-do-Amanha-01
Esse com toda certeza é o caso mais complicado da nossa lista. Extremamente elogiado mundo a fora, o filme teve lançamento exclusivo em cinemas independentes americanos. Pouco tempo depois, um boca a boca feito por causa do polêmico final do filme acabou atrapalhando sua distribuição em parte da Europa. Isso não impediu que o filme participasse de sua série de festivais e ganhasse até prêmios. Pois bem, quando anunciado no Brasil, seu lançamento estava previsto para Junho, depois Julho, Outubro e por fim em Dezembro. Foram divulgadas tantas datas diferentes que o filme certamente não será lançado no Brasil. As principais premiações do ano também esqueceram do filme e esnobaram as excelentes atuações de Chris Evans e Tilda Swinton, bem como o ótimo roteiro original. De toda lista, apesar do “problema” com o final, era um dos filmes mais esperados de 2014 e sem sombra de dúvida um dos mais injustiçados.

Um comentário em “TOP 5 – Filmes mais injustiçados de 2014

Comentar...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s